31 de maio de 2016

Lista » 15 livros baseados em jogos


Todo amante de livros costuma ser um amante de arte e cultura em geral, que pode incluir música, cinema, fotografia, pintura, dança e muitos outros. Hoje apresento para vocês uma de minhas grandes paixões, que é o mundo dos Games. Eu costumo jogar um pouco de tudo, desde jogos de restaurante para computador (todo mundo tem um guilty pleasure na vida né, um beijo) até jogos de terror de Playstation((sdds until dawn). A verdade é que sou completamente apaixonada por jogos, e essa certamente é sempre uma boa escolha para me desestressar e trazer diversão. Foi aí que nasceu a ideia desse post, que irá trazer pra vocês um pouco dessa magia que o videogame nos traz unida com a inspiração que os livros nos permite sentir. Chame o Player 2, aperte o Start e vem jogar! :)



Os livros baseados em jogos começaram a ser explorados em 2011, quando foi lançado no Brasil pela editora Record o exemplar de Renascença, primeiro volume de uma série baseada no game Assassin’s Creed. A partir de então, no ano seguinte, houve uma grande efervescência a respeito do gênero, onde muitos outros livros foram sendo lançados em sequencia, ganhando de vez o gosto do público – não só o público gamer, mas também pessoas que nunca haviam jogado, ou que começaram a jogar após ler os livros. Isso também contribuiu para que ambos dos setores se desenvolvessem, tanto dos games, quanto dos livros, o que é muito interessante se levarmos em consideração a respeito da expansão cultural que essa troca gerou! Ou seja, os livros e os games deixaram de ser elementos oriundos de mundos distantes, para se fundirem numa coisa só, ainda mais mágica e surreal.

Separei para vocês 15 games que fizeram toda a diferença para a criação desse novo universo leitor e que inseriram toda a tecnologia de ponta dos games para dentro das singelas páginas de um livro. Here we go!




ASSASSIN'S CREED
Autor: Oliver Bowden • Editora: Record • Volumes publicados: Oito
(em ordem: Renascença, Irmandade, A Cruzada Secreta, Revelações, Renegado, 
Bandeira Negra, Unity e Submundo)

Assassin’s Creed definitivamente foi o início de toda a história dos games no mundo dos livros. A coleção costuma seguir o gancho deixado pelos games, apesar de não ser um retrato fiel dos mesmos. No game, o enredo gira em torno da história de Desmond Miles, que é apenas um cidadão comum vivendo sua vida, até ser sequestrado por uma companhia secreta. Lá, ele descobre que é descendente de um clã de assassinos e é forçado a utilizar um aparelho chamado Animus, que o faz reviver todas as memórias de seus antepassados, oferecendo de bandeja todas as informações que seus inimigos precisam para chegar até um artefato mágico chamado "Maçã do Éden" e seu ancestral mais poderoso: Altaïr Ibn-La 'Ahad.


Nos livros, a história fica um pouco mais enxuta e se passa exclusivamente no passado, sem mencionar o universo amplo de Desmond e suas experiências com o Animus. Focado inicialmente na jornada de Ezio Auditore (um dos ancestrais de Desmond), a saga retrata em cada livro os personagens de uma forma mais particular e ilustra uma história secular de vingança e assassinatos dentro do clã mais poderoso de assassinos que já existiu. No decorrer dos outros livros, outros personagens vão sendo explorados (como o corsário pirata Edward Kenway e seu filho, Haytham Kenway) e novas descobertas são oferecidas as leitor a respeito da saga dos Assassinos.

Os livros – assim como os games – nos levam para muitas viagens por épocas distantes, trazendo assim inúmeras referências de personalidades históricas para quem está lendo, como Leonardo Da Vinci, Abraham Lincoln e o pirata Barba Negraque podem ensinar muito a respeito da história simplesmente envolvendo o leitor nas páginas da série.





BATTLEFIELD
Autor: Andy McNab e Peter Grimsdale • Editora: Record • Volumes publicados: Dois
(em ordem: O Russo e Contagem Regressiva)

Em contrapartida com o game anterior, o livro de Battlefield procura ser o mais fiel possível à história, com o intuito de explicar mais detalhadamente a respeito da origem dos personagens e as missões pelas quais eles precisam passar para salvar a humanidade e a própria pele. No primeiro livro é retratada a história de Dima Mayaskovsky (um agente secreto russo) e Blackburn (um sargento americano), que precisam salvar Paris e Nova York de uma ameaça nuclear. Já o segundo livro retrata a história do agente da CIA Lazlo Kovic e uma suposta conspiração em que está envolvido, ambientada numa missão de guerra entre Estados Unidos e China, e que originou um massacre de proporções imensas com apenas um sobrevivente - que pode ser a verdadeira vítima de uma armadilha muito perigosa.





BIOSHOCK
Autor: John Shirley • Editora: Novo Século • Volumes publicados: Um (Rapture)

Uma obra inspiradora, oriunda de um game igualmente revolucionário. Sem muitas diferenças entre um e outro, podemos dizer que o livro e o primeiro game de Bioshock se complementam, e o livro atua como um prelúdio. Com foco em contar a história dos personagens e ambiente do jogo principal, o livro nos apresenta a história da construção e queda de Rapture, uma cidade com quê de utopia que contrasta com todo o cenário do fim da Segunda Guerra Mundial, onde impostos absurdos, abuso de poder e vigilância constante por parte do governo faziam parte da rotina dos cidadãos americanos. Rapture foi construída por Andrew Ryan em moldes que teriam a justiça e a meritocracia como leis. Mas algo sai do controle e uma cidade que deveria ser o paraíso dos justos e prudentes, se torna uma fortaleza em ruínas.





DIABLO
Autor: Nate Kenyon (primeiro e terceiro livro), Flint Dille (segundo livro)
e Doug Alexander (quarto livro) • Editora: Record • Volumes publicados: Quatro
(em ordem: A Ordem, Livro de Cain, Tempestade de Luz e Livro de Tyrael)

Por mais que os livros estejam todos nomeados como Diablo III, podemos dizer que eles fazem um apanhado geral do contexto da do game até o momento, ou seja, os livros não falam apenas de um capítulo do jogo em si, e também colocam o leitor a par também de acontecimentos que antecedem os fatos presentes no jogo. Podemos considerar o segundo e quarto livro como obras complementares ao jogo e aos outros livros, uma vez que são recheadas de ilustrações, dicas, informações especiais e detalhes específicos do jogo. A história romanceada em si (primeiro e terceiro livro) narra a batalha entre as forças do Bem e do Mal e a luta dos personagens, em especial Deckard Cain, para evitar que a cidade de Tristam seja consumida pelas forças demoníacas do Senhor do Terror.





GEARS OF WAR
Autor: Karen Traviss • Editora: Única • Volumes publicados: Dois (traduzidos)
(em ordem: Fim da Coalizão e Slab: A Prisão)

Os livros se dividem quanto a fidelidade com o game, e enquanto Fim da Coalizão retrata aspectos envolvendo o jogo no presente, A Prisão funciona como um prólogo para os jogadores da franquia. O jogo basicamente retrata a situação do planeta Sera, que foi colonizado por seres humanos e que agora está em guerra. Após sua população ser quase dizimada, os sobreviventes se dividiram em três grupos principais com interesses e ideais governamentais distintos e agora precisam se reorganizar para enfrentar outras ameaças, que fazem com que a paz e calmaria entre os povos se torne cada vez um sonho mais distante.





GOD OF WAR
Autor: Robert E. Vardeman e Matthew Stover • Editora: LeYa • Volumes publicados: Dois

Nesta série de livros os volumes são bem fiéis ao game, com muitas cenas de ação (assim como no game) e como objetivo de explicar melhor fatos já mostrados no jogo. Além disso, conta com mais detalhes a história de Kratos, um guerreiro grego em fúria traído por Ares, o Deus da guerra, que busca a morte de seu inimigo como vingança numa jornada alucinante.
Os aspectos mitológicos do game são sensacionais, e a experiência de imaginar esse universo fica aindamais completa ao ser materializada nas páginas de um livro.





HALO
Autor: Greg Bear • Editora: Planeta • Volumes publicados: Três
(em ordem: Cryptum, Primordium e Silentium)

Os livros da saga Halo são cercados por uma ficção científica de alto nível, igualmente como acontece nos games. Foram lançados com o objetivo de detalhar as histórias que ocorrem no jogo, e fazer com que o jogador/leitor se ambiente ainda mais ao mundo sci-fi estelar apresentado em cada edição do game. Os elementos principais do jogo giram em torno galáxias invadidas e planetas distantes povoados por humanos geneticamente modificados e grupos de raças alieníginas, que travam constantes guerras por seus interesses em combates impressionantes contra seus inimigos.





HITMAN
Autor: Raymond Banson • Editora: LeYa • Volumes publicados: Um (A Condenação)

Este é um clássico para os amantes de jogos de espionagem. O livro funciona como uma ponte entre os jogos Hitman: Blood Money e Hitman: Absolution, deixando mais claras algumas informações passadas entre esses dois games. A história tem como personagem central o Agente 47, um humano modificado geneticamente que se transformou no maior assassino de aluguel de todos os tempos, meticuloso e infalível. Trabalhando para uma misteriosa agência, tem como missão infiltrar-se em locais perigosos e comprometedores, efetuando assim seus valiosos assassinatos sem deixar rastros, da maneira mais silenciosa possível. Mesmo com um enredo tão intenso, o livro prova não ser apenas um conto de violência gratuita, e também explora a fundo a vida de cada personagem, mostrando que por trás de historias sombrias escondem-se pessoas reais, com sentimentos, sonhos e aspirações.





MASS EFFECT
Autor: Drew Karpyshyn • Editora: Galera Record • Volumes publicados: Dois
(em ordem: Revelação e Ascensão)

Mais um para os fãs da ficção científica. O primeiro livro funciona como uma introdução para o primeiro jogo, e o segundo livro se passa entre o 1º e o 2º jogo – ou seja, há um sincronismo interessante entre o jogo e o livro. Ainda há um terceiro volume que finaliza a trilogia, mas ainda não foi lançado no Brasil. O primeiro livro se passa num tempo não tão distante assim, em que a espécie humana ganha a galáxia e começara a explorar outros planetas. A questão é que eles não estavam sozinhos e os outros moradores digamos... mais antigos do universo, não gostaram de ser investigados, e resolvem atacar uma base humana de pesquisas localizada num planeta chamado Sidon, matando todos os seus ocupantes, exceto uma: Kahlee Sanders. Tendo como única pista a sobrevivência de Sanders, o livro gira em torno do tenente David Anderson e sua busca pela sobrevivente antes que Saren – um espectro poderoso – a encontre primeiro, o que poderia causar um desastre colossal que afetará toda a humanidade. Já o segundo livro continua a história de Kahlee Sanders e detalha o desenvolvimento de seu trabalho no Projeto Ascensão, destacando em particular sua relação com a história de sua aluna Gillian Grayson, que pode estar com sua vida ameaçada devido à um grupo terrorista ao qual seu pai, Paul Grayson, pertence e que pretende utilizá-la como arma para declarar a supremacia humana.





NEED FOR SPEED
Autor: Brian Kelleher • Editora: Única • Volumes publicados: Um

Um verdadeiro clássico dos jogos de corrida, podemos dizer que o livro Need for Speed é uma adaptação do filme, que por sua vez, é uma adaptação do game. No final das contas, tudo acaba se inteligando de alguma maneira e remontando a um história única, que só faz sentido ao juntarmos todas as formas de contar essa eletrizante história. Basicamente o livro retrata a vida de Tobey Marshall, um corredor das ruas que resolveu abandonar a adrenalina e se dedicar à uma vida pacata trabalhando na oficina de seu pai. Cedendo a um pedido de um amigo, Tobey resolve envolver-se nas corridas de rua pela última vez, o que termina na morte de um parceiro e na sua própria prisão. Após o cumprimento de sua pena, Tobey se vê imerso numa liberdade vazia, uma vez que seus companheiros de corrida se separaram e a oficina de seu pai foi fechada. Em contrapartida, recebe uma proposta de corrida a nível mundial e um desafio de um velho inimigo, que o levará a quebrar sua promessa e voltar para as ruas mais uma vez, em busca de uma recompensa que pode fazer toda sua vida valer a pena – a reestruturação de sua honra.






RESIDENT EVIL
Autor: S. D. Perry • Editora: Benvirá • Volumes publicados: Sete
(em ordem: A Conspiração Umbrella, O Incidente de Caliban Cove, A Cidade dos Mortos,
Submundo, Nêmesis, Verônica e Hora Zero
)

A ordem dos livros segue estruturadamente, na maioria das vezes, a ordem dos jogos - o que não impede a autora ainda incorporar alguns elementos extras nos livros, como cenários e alguns novos personagens, por exemplo. Por ser um série muito extensa, resumidamente podemos dizer que Resident Evil é um game que possui como cenário de início  acontecimentos macabros ocorridos na cidade de Raccoon City, em que assassinatos e canibalismo são tempero principal para o início de uma jornada épica em busca da salvação e da queda do império da Umbrella Corporation, companhia farmacêutica multinacional responsável por disseminar pela humanidade um vírus geneticamente modificado que dá origem à criaturas horripilantes que se misturam com a humanidade e possuem como desejo único a morte e a total dominação. Os livros nos permitem acompanhar a luta dos esquadrão S.T.A.R.S. para destruir essa terrível conspiração e salvar Raccoon City.





STARCRAFT
Autor: Christie Golden (primeiro livro) e William C. Dietz (segundo livro)
Editora: Galera • Volumes publicados: Dois
(em ordem: Ponto Crítico e Demônios do Paraíso)

Starcraft é uma franquia que atraiu uma infinidade de título publicados, dentre sua maioria HQs. Por enquanto apenas dois livros romanceados form lançados retratando o jogo, que a propósito, foram escritos por autores diferentes e que também retratam momentos diferentes do game. A única questão problemática aqui relaciona-se com a ordem de lançamento dos livros, pois o primeiro livro lançado pela editora em 2013 (Ponto Crítico), na verdade deveria ter sido lançado por último, pela história já estar avançada... por outro lado, o segundo volume publicado em 2014 (Demônios do Paraíso) na verdade poderia ser considerado como o início da trilogia, pois dá uma introdução de um dos personagens principais! E ainda ficaria faltando mais um livro, que funcionaria como o volume dois da série! Ou seja, bem confuso. De qualquer maneira, dando uma rápida introdução dos volumes, podemos resumir: o livro Demônios do Paraíso nos apresenta a origem de Jim Raynor, um jovem que ao alistar-se no serviço militar, acaba entrando na maior jornada de sua vida, que será repleta por batalhas interplanetárias e corrupção, protagonizadas por três raças galácticas: Terrans, Zerg e Protoss. Por sua vez, o livro Ponto Crítico apresenta um universo Starcraft já mais desenvolvido, em que Jim parte em uma busca por Sarah Kerrigan, soldado de elite por quem é apaixonado. Sarah fora abandonada em um planeta distante e é mantida aprisionada por Zergs, a representação de uma das raças do jogo através de uma consciência coletiva insectóide, e agora precisa lutar para curar-se e retomar sua própria consciência.





THE WITCHER
Autor: Andrzej Sapkowski • Editora: Martins Fontes • Volumes publicados: Cinco (traduzidos)
(em ordem: (O Último Desejo, A Espada do Destino, O Sangue dos Elfos, Tempo do Desprezo e Batismo de Fogo))

Os livros da série The Witcher tomaram um rumo inverso à todos os outros já mencionados: o jogo foi inspirado nos livros, e não o contrário. Os livros fizeram tanto sucesso na época do lançamento (na Polônia, em 1990), que originou também séries de televisão e a continuação dos volumes. Por causa da capa não fazer nenhuma menção ao jogo, muitas pessoas desavisadas nem sequer sabiam que os livros deram origem ao jogo. Em 2015, a editora Martins Fontes relançou os volumes já traduzidos para o português com a capa fazendo referência ao game, o que facilitou sua associação dali pra frente.  Os dois primeiros livros são de contos que esclarecem alguns fatos ocorridos no jogo e apresentam detalhadamente a história de alguns personagens. Do terceiro livro adiante é que se inicia o enredo propriamente dito, em que o gancho dos contos são aproveitados e novas histórias são contadas, mas sem ser exatamente sincronizado com o jogo, uma vez que o enredo do game se passa após a história dos livros ter ocorrido. 






UNCHARTED
Autor: Christopher Golden • Editora: Benvirá • Volumes publicados: Um (O Quarto Labirinto)


Eis aqui um dos jogos mais eletrizantes de todos os tempos: Uncharted. Se você gostou de realizar buscas por cidades perdidas, tesouros valiosos e vivenciar perseguições piratas no game, certamente adorará viver mais uma aventura ao lado do caçador de tesouros Nathan Drake no livro O Quarto Labirinto. Ambientado no mesmo enredo que o game, mas contando uma história que não pertence à série, o livro nos leva a mais uma jornada junto com Drake rumo ao desconhecido numa investigação para descobrir as causas do assassinato de um arqueólogo assassinado, Luka Hzujak. Só que Nate não está sozinho nessa jornada, e terá que lutar também contra inimigos interessados em supostos tesouros escondidos entre as pirâmides do Egito e ruínas da Grécia – plano de fundo para essa incrível aventura. Será que nosso valente explorador conseguirá chegar ileso até o Quarto Labirinto, onde se encondem as respostas para todos os mistérios que giram em torno desse assassinato? Só lendo pra conferir ;)





WORLD OF WARCRAFT
Autor: Christie Golden, Michael A. Stackpole e Richard A. Knaack • Editora: Galera
Volumes publicados: Seis
(em ordem: Marés da Guerra, A Ruptura, Sombras da Horda, Crimes de Guerra,
Crepúsculo dos Aspectos e Alvorada dos Aspectos
)

World of Warcraft talvez seja um dos mundos mais complexos e bem desenvolvidos do universo dos games... E é claro que seria um desperdício se toda essa magia não fosse transferida também para o mundo dos livros. O jogo é do gênero MMORPG, e insere os jogadores num mundo dividido em raças e classes onde podem interagir diretamente uns com os outros lutando em busca de poderes, recompensas e vitória em batalhas incríveis. Não há exatamente uma ordem fixa para a leitura, até porque isso depende muito se você já é ou não um jogador da série. Se a resposta for sim, você provavelmente era se encontrar bem em qualquer livro que ler, mas se não, a ordem mais recomendada pelos jogadores, seguindo a ordem cronológica imposta pelo jogo, é esta: A Ruptura, Crepúsculo dos Aspectos, Marés da Guerra, Sombras da Horda, Alvorada dos Aspectos e Crimes da Guerra. Os livros contam resumidamente explicam de forma resumida algumas questões do jogo ou fatos ocorridos entre as classes, ascensão ou queda de personagens e expansões de mundos.





MENÇÃO HONROSA

BATMAN
Autor: Marv Wolfman • Editora: DarkSide • Volumes publicados: Um

Aqui estamos com um bônus em nossa lista, que vai para um verdadeiro clássico. O livro Batman - Arkham Knight é uma novelização do game lançado em 2015 e descreve como ficou a cidade de Arkham City após a morte de Coringa e a dominação de novos vilões, como o temido Scarecrow, que disseminou um terrível gás que fez todas as pessoas visualizarem seus maiores medos, causando um caos geral na cidade. Além disso, o homem-morcego precisará lidar com um poderoso inimigo - Arkham Knight - detendo-o de provocar mais destruição na cidade e descobrindo sua verdadeira identidade. Podemos contar também com outros velhos inimigos de Batman, como Charada, Pinguim, Hera Venenosa, Arlequina e Duas Caras, que estarão prontos para acabar com a paz de todos, principalmente de nosso herói.


Por hoje é só, pessoal!
Espero que vocês tenham gostado, comentem aí quais são seus jogos/livros preferidos (ou se esqueci de mencionar algum) e fiquem ligados nas próximas listas do blog! Um beijo ♥

5 comentários:

  1. Não poderia ser melhor a definição da Saga Resident Evil (me conhecendo do jeito que os aborígenes conhecem) sabe que eu sou fã de carteirinha, sendo que comprei todos os livros com você (a maioria deles HAHAUHAUHA) Sucesso Deeh!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu JURO que pensei em você enquanto escrevia a parte do Resident Evil hahaha... só conseguia lembrar de você xingando quando chegava na livraria e ainda não tinha saído o volume que você queria! kkkkk Obrigada por tudo meu parceiro, você é incrível!

      Excluir
  2. Oie...
    Amei seu blog, ele é lindooooo :)
    Ainda não li nenhum dos livros mencionados, pois, eu não curto muito jogos.
    Achei a sua postagem muito interessante e bem escrita, mesmo não entendendo do assunto...
    Parabéns e sucesso com o blog.
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. oooi!
    Primeiramente só queria passar pra dizer o quanto o seu blog é lindo! Mds!
    assim como você tenho uma quedinha por games e adoro os livros baseados em jogos! adorei o post! bjs xxx
    http://lendocomela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bom?
    O único jogo que jogo é lol, uma pena não ter livros sobre ele. Sério, se um dia sair eu vou ser uma das primeiras pessoas a comprar. Eu sou meia ruim com jogos. Af.
    Morro de vontade de ler Assassin's Creed, principalmente depois que vi o trailer do filme, fiquei mais apaixonada ainda pela história.
    Do restante só conheço God Of War, já joguei também ddjjds
    Adorei essa postagem, sério. É muito bom poder conhecer certinho sobre isso.

    http://s-sessaoproibida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu interesse e disposição em comentar a postagem do blog!

Espero que tenha gostado de sua visita.
Volte sempre! :-)